Escola Koru

5 dicas para lideranças aplicarem ainda hoje para atraírem talentos

Uma pesquisa anual do Boston Consulting Group (BCG), feita em parceria com a Federação Mundial de Associações de Gestão de Pessoas (WFPMA, na sigla em inglês), revela que a escassez de talentos qualificados é considerada o principal desafio para 71% dos líderes de recursos humanos no Brasil.

Mas, o que o RH e a liderança precisam fazer?

A pesquisa traz cinco principais dicas que as lideranças devem aplicar para lidar com os desafios de hoje e do futuro:

#1 Utilize dados para planejar a oferta e demanda de talentos com precisão

O planejamento estratégico da força de trabalho é um desafio constante para a maioria das organizações. Embora os princípios fundamentais não sejam novos, a urgência de agir aumentou e a disponibilidade de insights baseados em dados mudou o cenário competitivo.

#2 Aprimore a experiência das pessoas candidatas

Em um mercado onde talentos especializados são escassos, soluções digitais podem ajudar as empresas a se diferenciarem com base na experiência que oferecem aos candidatos, resultando em melhores taxas de sucesso de recrutamento e contratação de novos funcionários.

#3 Invista no desenvolvimento dos que já estão com você

Desenvolver novas habilidades na equipe existente é muito mais econômico do que contratar novas pessoas. Além disso, a tecnologia em constante mudança confronta as empresas com a necessidade de atualizar continuamente as habilidades e capacidades de sua força de trabalho.

#4 Simplifique o que pode ser simplificado

A IA generativa tem o potencial de revolucionar processos de autoatendimento, aumentar a produtividade, personalizar experiências para clientes e construir ecossistemas de talentos baseados em dados. Os pioneiros já estão capturando valor com casos de uso ao longo de toda a cadeia de valor de recursos humanos.

#5 Foque em gestão de mudanças e desenvolvimento organizacional

No âmbito dos comportamentos de liderança, gestão de mudanças e desenvolvimento organizacional, é essencial não subestimar o potencial transformador – e desafiador – da mudança. Com isso em mente, as organizações estão focando mais nos comportamentos de equipes de liderança inteiras do que de indivíduos.

Aqui na Escola Korú tenho a alegria de acompanhar empresas que estão preocupadas e priorizam o desenvolvimento para gerar oportunidades – internas e externas! É muito bom poder contribuir e ver, na prática, que faz muita diferença!

Faça o assessment para saber como está a formação de lideranças na sua empresa

Post Relacionados

O que é desenvolvimento de software

Desenvolvimento de software pode parecer um mistério indecifrável para alguns, mas a verdade é que não precisa ser um bicho de sete cabeças.  Na verdade,

Leia Mais

Estamos quase lá!

Estamos quase lá!

Estamos quase lá!

Estamos quase lá!