Escola Koru

Feedback: o que é, importância e como fazer

Feedback significa dar retorno, é uma ferramenta poderosa e desempenha um papel fundamental no desenvolvimento pessoal e profissional, permitindo uma comunicação construtiva, troca de informações e aprimoramento contínuo. 

Neste guia, vamos explorar o conceito de feedback e sua importância, você também encontrará orientações sobre como oferecer e receber feedback de maneira e outras dicas bem interessantes.

Vamos lá?!

O que é feedback?

Feedback é um processo essencial na comunicação humana, utilizado para fornecer informações a uma pessoa sobre seu desempenho, comportamento ou resultados. Consiste em uma retroalimentação que visa orientar e promover o desenvolvimento pessoal e profissional. Normalmente, acontece em um momento one-to-one, ou seja, uma conversa entre duas pessoas. 

Temos vários teóricos e estudiosos sobre o tema feedback, dada a sua importância, entre eles, trago aqui: 

  • Douglas McGregor (um dos principais teóricos da administração, conhecido por suas teorias sobre motivação e liderança, fala sobre gestão autoritária e gestão participativa, comportamento humano entre outros temas da área) destaca a importância do feedback como uma ferramenta para influenciar o comportamento das pessoas. Segundo ele, um feedback adequado pode ajudar a estabelecer expectativas claras e melhorar a produtividade.
  • Peter Senge (o conhecido autor de “A Quinta Disciplina”), especialista relevante em aprendizagem organizacional, defende que o feedback é fundamental para o desenvolvimento contínuo das pessoas e das organizações.
  • Senge enfatiza a importância de um ambiente, no qual o feedback seja encorajado e valorizado, permitindo que os indivíduos se tornem mais conscientes de suas ações e seus efeitos.
  • Marshall Goldsmith (autor de vários best sellers de gestão e liderança), argumenta que, em vez de se concentrar apenas no passado, o feedback deve ter um foco direcionado para o futuro. O seu modelo, denominado feedforward, busca identificar oportunidades de melhoria e oferecer sugestões construtivas para que a pessoa possa se desenvolver e alcançar seus objetivos.
  • E Carol Dweck (considerada uma autoridade no campo da personalidade, motivação e desenvolvimento psicossocial), que compreendeu o conceito de mentalidade fixa e mentalidade de crescimento, defendendo que o feedback deve ser visto como uma oportunidade de aprendizado, em que as pessoas podem desenvolver suas habilidades e capacidades por meio de esforço e dedicação.

De modo geral, o feedback é uma prática essencial na comunicação humana, porque fornece informações valiosas para o desenvolvimento pessoal e profissional.

Autores como os citados, entre tantos outros, oferecem perspectivas importantes sobre o assunto, lançando luz sobre a importância do feedback para influenciar o comportamento, promover a aprendizagem e o crescimento contínuo das pessoas e das organizações, reforçando que o feedback eficaz é aquele que é claro, construtivo e direcionado para o futuro, proporcionando oportunidades de melhoria e desenvolvimento.

E todos recomendam: jamais viole o princípio da confiança!

Tipos de feedback

Existem vários tipos de feedback que podem ser usados ​​em diversas situações para fornecer estimativas e orientações construtivas. Aqui estão alguns dos tipos mais comuns:

Feedback positivo

É aquele que destaca os pontos positivos do comportamento/desempenho de alguém. Ele reconhece e reforça comportamentos e habilidades que são consideradas bem-sucedidas, frisando que devem continuar sendo assim, em ritmo de melhoria contínua. O feedback positivo é motivador e ajuda a fortalecer um bom desempenho.

Feedback negativo

É bastante delicado este tipo de feedback, contudo, se a pessoa tiver tato, profissionalismo e empatia para aplicá-lo, é possível visualizar e obter novas perspectivas a partir dele. Este tipo de feedback é geralmente utilizado quando a pessoa atinge baixos níveis de desempenho ou tem atitudes comportamentais inadequadas.

O objetivo é, sem julgamentos, conduzir a ações urgentes e imediatas de correção e melhoria, uma chance de alinhamento pessoal e profissional. E isso deve ficar bem claro. 

Feedback ofensivo

Este tipo é ainda mais delicado e requer muita cautela  habilidade para conduzir a conversa, porque pode provocar reações inesperadas e inadequadas, e tornar o clima de trabalho negativo pelo grande mal-estar ao serem pontuados pontos de desqualificação mesmo sendo óbvio que o objetivo não é ofender ou desvalorizar, mas que é necessário pontuar tais lacunas e que devem ser resolvidas de imediato.

Feedback construtivo ou corretivo

Este tipo de feedback é utilizado para apontar os pontos positivos da pessoa e em que aspectos é possível melhorar os resultados. Ele se concentra em identificar e sugerir maneiras corretivas ou de aprimoramento, devendo ser claro, construtivo, específico, assim como os demais tipos, e fornecer soluções para que os pontos de melhoria sejam atendidos.

Feedback descritivo 

Este tipo de concentra-se em descrever o comportamento ou ações observadas, sem fazer julgamentos ou emitir opiniões; é objetivo e baseado em fatos observáveis, interpretando-se subjetivamente. O feedback descritivo ajuda a evitar conflitos e permite uma discussão mais aberta e produtiva.

Feedback 360 graus

Esse tipo de feedback envolve estimativas de várias fontes, como colegas de trabalho, subordinados e superiores hierárquicos; fornece uma visão abrangente do desempenho de uma pessoa, levando em consideração diferentes perspectivas. O feedback 360 graus é útil para identificar pontos fortes e de melhoria que podem não ser perceptíveis apenas de uma única fonte.

Feedforward

Esse tipo de feedback envolve avaliar e reconhecer quais são os pontos de melhoria para o futuro. A ideia é não focar só no que já aconteceu, mas olhar para frente e propor um futuro desejável. Os envolvidos partem para a ação mapeando o que pode ser feito para atingir os objetivos, alinhados por um feedback positivo ou negativo.

Importância e benefícios do feedback

Crescimento pessoal e profissional

O feedback oferece insights valiosos sobre nosso desempenho, ações e comportamentos, permitindo que identifiquemos nossas habilidades e em que áreas precisamos nos aprimorar.

Ao receber um feedback, temos a oportunidade de refletir sobre o nosso desempenho e ajustar nossas abordagens em prol de melhores resultados. Isso impulsiona o crescimento pessoal e profissional, nos encorajando a sair da nossa zona de conforto para adquirir novas habilidades e expandir nossos horizontes.

Melhoria do desempenho 

O feedback nos ajuda a reconhecer as competências que nos distinguem, nos ajuda a identificar áreas em que precisamos melhorar. É um meio que nos estimula a identificar oportunidades de aprendizado e crescimento; e nos incentiva a buscar constantemente aprimoramento e excelência.

Fortalecimento de relacionamentos e trabalho em equipe

O feedback adequado promove uma comunicação aberta e transparente, fortalecendo as relações profissionais e pessoais. Oportuniza a construção de confiança, pois ao oferecer feedback sincero e apoiar os outros em seu crescimento, mostramos que nos importamos com o seu desenvolvimento e sucesso. Isso estabelece uma base sólida de confiança mútua, permitindo que as pessoas se sintam confortáveis ​​em compartilhar ideias, enfrentar desafios e colaborar de forma eficaz.

Como oferecer feedback

Seja específico e objetivo

Ao fornecer feedback, seja claro e direto em relação ao que está sendo discutido. Identifique pontos específicos que precisam ser observados, evitando generalizações. Isso permite que a pessoa compreenda com clareza quais aspectos precisam ser melhorados ou encorajados.

Use uma abordagem construtiva e positiva

Ao dar feedback, é importante enfatizar os aspectos positivos do trabalho e desempenho da pessoa. Destaque os pontos fortes, oferecendo elogios e reconhecimento. Em seguida, identifique as áreas que podem ser aprimoradas, sugerindo maneiras de fazer isso. Evite críticas negativas e adote uma postura de apoio e encorajamento.

Seja compatível e assertivo

Ao fornecer feedback, é essencial manter um equilíbrio entre ser amigável e ser assertivo. Encontre um tom de voz e uma linguagem adequada para a situação. Seja firme ao apresentar os pontos que precisam ser trabalhados, faça isso de maneira respeitosa. Demonstre empatia e mostre que você está comprometido em ajudar a pessoa a crescer e se desenvolver.

Estabeleça metas e ações corretivas 

O feedback eficaz não deve ser apenas uma avaliação, mas também um guia para o futuro. Ajude a pessoa a estabelecer metas claras e alcançáveis ​​com base no feedback fornecido. Identifique ações corretivas específicas que podem ser tomadas para melhorar o desempenho ou desenvolver habilidades. Forneça orientações práticas e sugestões concretas para auxiliar nesse processo de crescimento.

Esteja aberto ao feedback recíproco 

O processo de feedback não deve ser apenas de mão única. Esteja aberto para também receber feedback, demonstrando disposição para ouvir diferentes perspectivas. Agradeça e aprecie aqueles que desejam compartilhar feedback com você. Aprenda com as experiências e opiniões dos outros, pois isso pode ajudar a aprimorar suas próprias habilidades e abordagens.

Como receber feedback

O processo de receber feedback pode ser desafiador, mas é uma ferramenta essencial para o crescimento pessoal e profissional. Aqui estão algumas dicas para receber feedback de maneira construtiva:

Mantenha a mente aberta e evite a defensiva

Ao receber feedback, é natural sentir-se um pouco desconfortável ou até mesmo ficar na defensiva. No entanto, é importante lembrar que o feedback é uma oportunidade de aprendizado e crescimento. Mantenha a mente aberta e tente se afastar de qualquer reação defensiva. Esteja disposto a considerar diferentes perspectivas e ver o feedback como uma forma de se desenvolver.

Controle suas emoções

Evite reações defensivas ou emocionais, pois isso pode prejudicar o processo de comunicação. Em vez disso, concentre-se em compreender as informações fornecidas e reflita sobre como elas se aplicam ao seu trabalho ou comportamento.

Receber críticas nem sempre é fácil, mas é importante manter a calma e não deixar as emoções tomarem conta. Respire fundo, mantenha uma postura profissional e evite reações impulsivas. Exercite a inteligência emocional.

Faça perguntas e busque esclarecimentos

Demonstre interesse genuíno enquanto a outra pessoa compartilha seu feedback. Concentre-se no que está sendo dito, e se algo não estiver claro durante o feedback, não hesite em fazer perguntas para obter mais informações. Esse diálogo aberto ajudará a esclarecer qualquer mal-entendido e a obter uma compreensão mais completa do feedback recebido.

Agradeça pelo feedback, esta é uma atitude importante 

Reconheça o esforço da pessoa em lhe fornecer informações construtivas e valorize a oportunidade de aprender e melhorar. Mostrar gratidão é também demonstrar uma postura madura e aberta à evolução pessoal.

Depois do feedback, faça uma análise de forma objetiva

Avalie as informações recebidas e reflita sobre como elas se aplicam a você e ao seu trabalho. Identifique seus pontos fortes e, principalmente, as áreas de desenvolvimento que podem ser aprimoradas.

Defina metas específicas e um plano de ação realista para implementar as mudanças necessárias. Lembre-se que receber feedback é uma oportunidade valiosa para crescer e se desenvolver, e as ações que você tomar a partir dele podem ajudar a alcançar um desempenho ainda melhor no futuro.

Concluindo… 

O feedback é uma ferramenta valiosa para o crescimento pessoal e profissional, permitindo que indivíduos e equipes alcancem seu pleno potencial. 

Ao compreender o conceito de feedback, reconhecer sua importância e aplicar as técnicas adequadas para oferecer e receber, é possível estabelecer um ambiente de aprendizado contínuo e de colaboração. 

Ao implementar o feedback de forma eficaz, construímos bases sólidas para o sucesso em diversas áreas da vida.

Há muitos tipos de feedbacks, os citados neste artigo são alguns dos principais. 

É importante lembrar que o feedback deve ser entregue de maneira respeitosa, considerando o contexto e as necessidades individuais. O objetivo principal é fornecer informações úteis e encorajar o crescimento e o desenvolvimento contínuo.

Ao aplicar essas dicas, você estará preparado para oferecer feedback de forma eficaz e construtiva, a fim de ajudar as pessoas a alcançarem seu potencial máximo.

Quando falamos em pessoas e empresas, em liderança, comportamento, produtividade, engajamento, retenção de talentos e outros assuntos relativos, a recomendação é não deixar de investir nas pessoas, nas equipes. E neste sentido, a Korú oferece treinamentos corporativos para desenvolver pessoas e acelerar negócios e resultados, projetos estratégicos sob medida para as diferentes áreas e necessidades.

Quer saber mais? Fale com nossos especialistas!

[QUERO SABER MAIS]

Post Relacionados

O que é desenvolvimento de software

Desenvolvimento de software pode parecer um mistério indecifrável para alguns, mas a verdade é que não precisa ser um bicho de sete cabeças.  Na verdade,

Leia Mais

Estamos quase lá!

Estamos quase lá!

Estamos quase lá!

Estamos quase lá!