Escola Koru

Inbound Recruiting: o que é e como aplicar na própria empresa

Quem não quer ter reconhecimento por ser uma marca empregadora? É pensando nisso que existe a criação de conteúdo de marca para a área de recrutamento. 

O Inbound Recruiting é um termo com sentido paralelo ao Inbound Marketing

Melhor explicando, o Inbound Marketing é voltado para atrair clientes para os produtos e serviços de uma marca. E o Inbound Recruiting, é usado no recrutamento para aquisição de talentos, buscando maior engajamento de pessoal qualificado de modo que se convertam em potenciais candidatos/as às vagas. 

Ocorre que o pessoal de recrutamento está aderindo a um software de Marketing de Recrutamento para contratar seus talentos. E tal como no marketing existe a jornada do comprador, por exemplo, no recrutamento tem a jornada do candidato ou a jornada do recrutamento, como alguns denominam.

Pessoas talentosas são muito disputadas no mercado de trabalho. 

Com esse mundo cada vez mais disruptivo em que estamos, tudo precisa ser célere, eficaz e objetivo. Não há tempo a perder nem com o processo de contratação quanto com o risco de uma contratação errada e pagar o preço (caro) por isso!

Em vista disso, aquelas empresas que tiverem maior vantagem competitiva – como uma marca reconhecida, empregadora, com uma proposta bacana de valor do funcionário, entre outros benefícios – sairão na frente e ganharão essa guerra por talentos.

O que exatamente é Inbound Recruitment?

Inbound Recruiting é uma metodologia derivada do marketing, é uma estratégia, daí a menção acima do sentido paralelo. Esse termo e conceito vieram pelas mãos da Hubspot – uma desenvolvedora e comerciante americana de produtos de software para inbound marketing, vendas e atendimento ao cliente.

Conceito

“O recrutamento interno cria uma experiência notável para o candidato por meio do conteúdo da marca empregadora e das estratégias de marketing que ajudam as empresas a construir relacionamentos com os melhores talentos. 

Ao adotar uma abordagem de marketing de entrada para recrutamento, as empresas podem se conectar com candidatos a emprego passivos e ativos, interagir com sua rede e encantar os candidatos durante todo o processo de inscrição.” (Hubspot)

A figura abaixo mostra o passo a passo da metodologia Inbound Recruiting.


O recrutamento interno cria uma
experiência ímpar para a marca empregadora por potencializar o relacionamento com candidatos em diferentes estágios do processo de recrutamento.

A proposta do Inbound Recruitment é utilizar o Marketing de Conteúdo de Recrutamento, as mídias sociais e as ferramentas de otimização de mecanismos de pesquisa para alcançar os principais talentos, que são os clientes de RH. Visualizando, inclusive, a demanda que tem sido maior que a oferta.

O mecanismo visa atrair esses clientes de modo que se conectem com a empresa (marca) e sejam potenciais candidatos, qualificados, e com isso aumentar seu banco de talentos e possa gerar uma interação com eles em todas as etapas do funil de recrutamento (figura abaixo) até o aceite e que se tornem funcionários. 


O produto final dessa jornada do candidato é a vaga. E de acordo com a
Hubspot, “Talento é uma prioridade de negócios… A contratação é fundamental para o futuro de todas as empresas.”

O que isso quer dizer, é que, por vezes, ótimos candidatos podem não estar no momento em busca de uma recolocação ou colocação no mercado, ainda que haja demanda (são os talentos passivos), e essa gestão de relacionamento com possíveis candidatos tende a tornar os talentos passivos em ativos. Fazendo com que eles optem pela sua empresa.

E como aplicar o Inbound Recruiting na empresa?

Em primeiro lugar a empresa deve ter um comprometimento de marca muito claro, ter uma cultura forte e uma proposta de valor real. O relacionamento entre a empresa e os seus colaboradores deve ser transparente e leal, ser forte, pois são os colaboradores os porta-vozes da sua marca, eles constroem a marca empregadora, ou ao contrário – a detonam. São os embaixadores da sua marca!

Cada organização tem um conjunto único de valores, motivações e perspectivas. A cultura de sua empresa é sua vantagem competitiva quando se trata de recrutamento e deve ser o verdadeiro norte de seus esforços de entrada. (Hubspot)

Quais competências técnicas e comportamentais são requeridas para os diferentes cargos e equipes? Trace perfis ideais (no marketing, chamamos de personas).

Quais as melhores estratégias para captação desses perfis? Crie materiais interessantes, ricos, disponibilize-os online, para download o interessado pode deixar alguns dados básicos importantes, até porque se o fizer é sinal de interesse. Faça “barulho” nas redes sociais.

Os candidatos a emprego e os candidatos passivos aprendem sobre sua empresa a partir de uma variedade de plataformas e canais. Encontre-os onde eles estão, levando sua marca empregadora até eles. (Hubspot)

É importante também manter relacionamento com candidatos/as e o pessoal já contratado, a proximidade ajuda na manutenção da imagem da empresa, interna e externamente.  

Candidatar-se a um emprego é uma grande decisão, por isso é importante cultivar relacionamentos com leads que demonstraram interesse em sua empresa. (Hubspot)

Uma régua de conteúdo engajador é indispensável! Essa produção de conteúdo que possa atrair talentos já é uma etapa importante da aplicação do processo, pois ao atrair, vem a etapa de conversão em possíveis candidatos.

Nutra esses candidatos com mais conteúdo, interação até que os transforme em colaboradores. Tendo como etapa seguinte o engajamento por meio de treinamento e desenvolvimento, valorização e outros benefícios. Agregue valor à tomada de decisão!

Enviar conteúdo útil por e-mail para seus leads sobre sua cultura e processo de inscrição, convidá-los para eventos de recrutamento ou dar a eles a oportunidade de conversar com alguém da sua empresa por meio de bate-papo ao vivo são maneiras de agregar valor ao processo de tomada de decisão.(Hubspot)

Concluindo…

Como podemos notar, Recrutamento e Marketing formam uma ótima parceria e oportunidade de desenvolver estratégias mais engajadoras e modernas, atrativas e, com isso, oferecer experiências muito gratificantes tanto para candidatos/as e empresa/gestores/as, como também para consolidar a marca como empregadora e de sucesso.

Este é o objetivo do Inbound Recruiting, cujo público-alvo são os possíveis candidatos, profissionais de alta performance.  O objetivo é fazer com as pessoas façam a jornada do recrutamento, a jornada do candidato – atração, conversão, fechamento, encantamento – um funil que começa com o ainda desconhecido ou estranho e se torna funcionário ou promotor, embaixador da marca. 

E a Korú com isso?

A Korú oferece o curso de Marketing Digital, que apesar de ser uma das áreas que mais cresce no mundo desde 2019, quase metade das vagas ficam em aberto por falta de profissionais capacitados. 

[Conheça nossos cursos]

Todas as empresas que querem se tornar mais competitivas e conhecidas precisam de um profissional de marketing digital para estabelecer sua presença online, se comunicar com seu público e gerar resultados em vendas.

Considerando que um especialista em marketing digital lida com inbound marketing, marketing de conteúdo, escrita persuasiva, funis de conversão, gatilhos mentais, fluxos de nutrição, jornadas, redes sociais, tráfego,  entre outras habilidades, em muito agregará ao inbound recruitment da sua empresa!

A Korú é uma escola que quebra barreiras e conecta pessoas e oportunidades, e acredita que uma sociedade melhor nasce por meio do acesso sem barreiras à educação e às oportunidades. 

Conte com os Especialistas da Korú para potencializar o seu negócio. Entre em contato e saiba como.

Post Relacionados

O que é desenvolvimento de software

Desenvolvimento de software pode parecer um mistério indecifrável para alguns, mas a verdade é que não precisa ser um bicho de sete cabeças.  Na verdade,

Leia Mais

Estamos quase lá!

Estamos quase lá!

Estamos quase lá!

Estamos quase lá!